×

O papel da tecnologia na potencialização dos estudos de caso clínico

Ao longo do curso universitário, o estudante passa a questionar como vai aplicar na prática os conceitos que foram aprendidos e, para facilitar este processo, além dos estágios, os estudos de casos clínicos são comumente adotado nas mais diferentes disciplinas.

Além de aumentar o interesse dos estudantes, os estudos de casos clínicos também proporcionam a união do aprendizado teórico com o prático. Em ambientes tradicionais de ensino, esse tipo de atividade é feita apenas de forma teórica, com a leitura de relatos de casos. No entanto, para tornar essa experiência de estudo mais interessante e possibilitar uma maior aplicabilidade do conteúdo, o ideal é que a discussão seja feita em torno de casos reais.

Para isso ser possível, é preciso ter a autorização dos pacientes. É nesse ponto que a tecnologia pode facilitar a discussão de casos clínicos e consequente melhora do ensino. Veja como isso é possível!

O que é o estudo de caso clínico?

O estudo de caso clínico é muito comum em diversas áreas da saúde. Assim, faz parte da rotina de cursos de medicina, nutrição, enfermagem, medicina veterinária, entre outros. Trata-se da exposição de uma situação clínica envolvendo um paciente, que pode ser real ou não.

Por exemplo, o professor de um curso de medicina pode redigir um texto como o seguinte: 

Homem, com 45 anos, apresenta dificuldade em urinar. Relata que, há alguns dias, sente dores abdominais, dores nas costas e que percebeu a alteração na cor da urina, que está muito escura.

Apresentado isso ao grupo de alunos, o professor pede para que os estudantes avaliem os sintomas listados e apresentem possíveis diagnósticos. Ele também pode solicitar que o aluno cite quais exames pedir ao paciente, no caso de estudantes de medicina.

Após finalizar a discussão sobre os possíveis diagnósticos, em conjunto, é possível  trabalhar as alternativas de tratamentos. O estudo de caso clínico é usado para auxiliar o aluno a aplicar os conhecimentos, pensar em possíveis diagnósticos diferenciais e aprender a transformar sintomas em diagnósticos presuntivos.

Quais os benefícios do estudo de caso clínico?

O estudo de caso clínico comumente é feito com estudantes que já concluíram ao menos metade do curso, pois estes possuem os conhecimentos básicos necessários para realizar esse tipo de atividade. 

Tal prática é importante e pode gerar diversos benefícios, tanto na motivação do estudante, quanto para o aprendizado. Dentre eles:

  • compreender a importância de uma boa anamnese e aprender a avaliá-la;

  • aplicar o conteúdo teórico aprendido;

  • desenvolver a habilidade de chegar a um diagnóstico clínico;

  • ter mais contato com a sintomatologia de diferentes doenças;

  • elencar a melhor estratégia para ajudar o paciente;

  • discutir possíveis tratamentos;

  • abordar a necessidade da investigação de diagnósticos diferenciais;

  • provocar o trabalho em grupo e a discussão sobre a temática abordada;

  • identificar como aquele possível diagnóstico pode ser importante para a sociedade;

  • aumentar o conhecimento teórico-prático;

  • estimular a autonomia do aluno na tomada de decisões e vários outros;

Como a tecnologia pode colaborar para o estudo de casos na área da saúde?

A tecnologia pode ser uma ferramenta muito útil no ensino, quando a instituição faz as escolhas certas. Ao adquirir a plataforma Lt, por exemplo, o docente encontrará casos clínicos prontos para uso, com informações de pacientes reais que cederam e autorizaram a utilização dos seus dados para fins educacionais.

Além de conteúdo audiovisual com o  relato de pacientes, familiares e profissionais envolvidos, será possível encontrar cópias dos exames laboratoriais e de imagem originais, informações sobre os protocolos médicos realizados e atividades interativas para trazer o embasamento teórico para este cenário clínico.

Este tipo de atividade faz com que o estudante se aproxime da rotina que terá após formado. O aluno tende a se envolver, ainda mais, com a apresentação real da situação dos pacientes.

Dessa forma, será possível provocar discussões e ajudar o estudante a desenvolver essas habilidades, mesmo em ambiente remoto. Além disso, o Lt é a única plataforma de ensino que possibilita a aquisição de dados fisiológicos reais, registrados pelos próprios alunos em tempo real.

Ficou interessado? Então leve o que há de mais moderno para a sua instituição de ensino. Conheça essa plataforma

 

22 dez 2021